Submissão de Trabalhos

Os resumos devem ser digitados segundo as normas estabelecidas por este Edital, conforme especificado logo abaixo, e devem ser formatados segundo o modelo disponibilizado pelo site do evento.

RESUMO: Deve conter no mínimo duzentas e no máximo trezentas palavras, sem parágrafos e sem citações bibliográficas. Palavras-chave: informar no mínimo três palavras-chave e no máximo cinco (evitar repetir termos usados no título). Prepare o trabalho em um editor de textos Word com fonte Times New Roman, tamanho 12, espaçamento entre linhas 1,5 em todo o texto, papel tamanho A4, margens superior e esquerda 3,0 cm, inferior e direita de 2,0 cm. O resumo deverá ser escrito em português. No caso de trabalhos em língua estrangeira, encaminhar resumo com a respectiva tradução. Título: escrever com letras maiúsculas e em negrito (exceto nomes científicos, que devem ser em itálico). Autores e orientadores: no máximo três, a contar com o orientador, caso haja; escrever os nomes por extenso e usando caixa alta e baixa e não abreviar; indicar instituição a que está vinculado; não acrescentar titulações junto ao nome (ex.: mestre, orientador etc.). Obs.: a identificação do orientador é obrigatória. Em nota de rodapé inserir a pequeno resumo do currículo, informando e-mail para contato de todos os integrantes dos trabalhos. Exposições orais: cada comunicador terá 15 minutos para apresentar seu trabalho. Ao final de três comunicações serão destinados 15 minutos para discussão pública acerca dos trabalhos apresentados.

OBS.: Todos os resumos deverão ser formatados dentro do padrão disponibilizado no site do evento. Não se esquecer de encaminhar, junto ao resumo, a autorização do orientador declarando estar o mesmo apto a ser apresentado.

Não serão aceitos os trabalhos formatados fora das normas estabelecidas e que não tenham sido enviados na folha-modelo disponibilizada pela Comissão Organizadora. Os trabalhos que não atenderem às normas deste Edital serão desconsiderados pelo Comitê Científico do evento.

NORMAS TÉCNICAS PARA ELABORAÇÃO DO TRABALHO COMPLETO

Título – centralizado, em maiúsculas e negrito (sem grifos);

Nome(s) do(s) autor(es) – centralizado, em negrito, uma linha abaixo do título, com maiúscula só para as letras iniciais, sendo o último nome escrito em caixa-alta. Logo em seguida, entre parênteses, indicar instituição a que está vinculado o(s) participante(s). Inserir em nota de rodapé: titulação, projeto que desenvolve atualmente (caso aluno de iniciação científica, mestrado ou doutorado), e-mail de cada um dos participantes.

Resumo – a palavra RESUMO em caixa-alta, fonte 12, negrito e maiúscula, três linhas abaixo do(s) nome(s) do(s) autor(es), seguida de dois pontos. O texto-resumo deverá ser escrito com recuo de 3 centímetros de margem esquerda e direita; e 2 centímetros, margens direita e esquerda. O resumo deve ter no mínimo duzentas palavras e no máximo 300.

Palavras-chave – alinhar com as mesmas margens. Corpo de texto 12. A expressão palavras-chave deverá estar em negrito, seguida de dois pontos. Máximo: 5 palavras-chave.

Abstract – mesmas observações sobre o Resumo.

Keywords – mesmas observações sobre as Palavras-chave.

Texto – em Times New Roman, corpo 12. Espaçamento 1,5 entre linhas. Não usar espaçamento entre parágrafos. Usar uma linha de espaço entre o corpo do texto e os subitens, ilustrações e tabelas, quando houver.

Parágrafos – recuo de primeira linha: 1,25cm.

Subtítulos – sem adentramento, em negrito, só com a primeira letra em maiúscula, sem numeração.

Tabelas e ilustrações – (fotografias, desenhos, gráficos etc.) – devem vir prontas para serem impressas, dentro do padrão geral do texto e no espaço a elas destinados pelo autor.

Notas – devem aparecer ao pé da página, numeradas de acordo com a ordem de aparecimento. Corpo 10. – Ênfase ou destaque no corpo do texto – negrito. Palavras em língua estrangeira – itálico.

Citações – até três linhas vêm entre aspas (sem itálico), seguidas das seguintes informações entre parênteses: sobrenome do autor, ano de publicação e página(s). Com mais de 3 linhas, vêm com recuo de 4 cm na margem esquerda, corpo menor (fonte 10), sem aspas, sem itálico e também seguidas do sobrenome do autor, ano de publicação e página(s). As citações em língua estrangeira devem vir em itálico e traduzidas em nota de rodapé. Em caso de dúvida, verificar Associação Brasileira de Normas e Técnicas – 2011.

Anexos – caso existam, devem ser colocados após as referências, precedidos da palavra ANEXO, no topo da página, em maiúsculas e negrito, sem adentramento e sem numeração. Quando constituírem textos já publicados, devem incluir referência completa, bem como permissão dos editores para publicação. Recomenda-se que anexos sejam utilizados apenas quando absolutamente necessários.

Referências – devem ser apenas aquelas referentes aos textos citados no trabalho. A palavra REFERÊNCIAS deve estar em negrito, sem adentramento, duas linhas antes da primeira entrada.

ALGUNS EXEMPLOS DE CITAÇÕES

• Citação direta com três linhas ou menos

Verificamos que “as fronteiras entre objeto e sujeito mostram-se particularmente indecisas. A palavra é o próprio homem. Somos feitos de palavras. Elas são nossa única realidade, ou pelo menos, o único testemunho de nossa realidade” (PAZ, 1982, p. 37).

• Citação indireta

[…] entre as advertências de Haroldo de Campos (1992), não há qualquer reivindicação de possíveis influências ou contágio, ao contrário, foi antes a poesia concreta que assumiu as conseqüências de certas linhas da poética drummoniana.

• Citação de vários autores

Sobre a questão, pode-se recorrer a vários poetas, teóricos e críticos da literatura (Pound, 1977; Eliot, 1991; Valéry, 1991; Borges, 1998; Campos, 1969).

• Citação de várias obras do mesmo autor

As construções metafóricas da linguagem; as indefinições; a presença da ironia e da sátira, evidenciando um confronto entre o sagrado e o profano; o enfoque das personagens em diálogo dúbio entre seus papéis principais e secundários são todos componentes de um caleidoscópio que põe em destaque o valor estético da obra de Saramago (1980, 1988, 1991, 1992)

• Citação de citação e citação com mais de três linhas

Para servir de fundamento ao que se afirma, veja-se um trecho do capítulo XV da Arte Poética de Freire: Vê, […] o nosso entendimento que a fantasia aprendera e formara em si muitas imagens de homens; que faz? Ajunta-as e, de tantas imagens articulares que recolhera a apreensiva inferior [fantasia], tira ele e forma uma imagem que antes não havia, concebendo que todo o homem tem potência de rir […] (FREIRE apud TEIXEIRA, 1999, p. 148).

ALGUNS EXEMPLOS DE REFERÊNCIAS

• Livro

PERRONE-MOISÉS, Leyla. Vira e mexe, nacionalismo. Paradoxos do nacionalismo literário. São Paulo: Companhia das Letras, 2007.

• Capítulo de livro

BERND, Zilá. Perspectivas comparadas transamericanas.In: JOBIM, José Luís. et al. (Org.). Lugares dosdiscursos literários e culturais: o local, o regional, o nacional, o internacional, o planetário. Niterói, RJ: EdUFF, 2006. p. 122-133.

• Dissertação e tese

PARMAGNANI, Claudia Pastore. O erotismo na produção poética de Paula Tavares e Olga Savary. 2004. Tese (Doutorado em Teoria da Literatura) – Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2004.

• Artigo de periódico

GOBBI, M. V. Z. Relações entre ficção e história: uma breve revisão teórica. Itinerários, Araraquara, n. 22, p. 37-57, 2004.

• Artigo de jornal

TEIXEIRA, I. Gramática do louvor. Folha de S.Paulo, São Paulo, 8 abr. 2000. Jornal de Resenhas, p. 4.

• Trabalho publicado em anais

CARVALHAL, T. F. A intermediação da memória: Otto Maria Carpeaux. In: II Congresso Abralic – Literatura e Memória Cultural, 1990. Anais… Belo Horizonte. p. 85-95.

• Publicação on-line – Internet

FINAZZI-AGRÒ, Ettore. O comum e o disperso: história (e geografia) literária na Itália contemporânea. Disponível em: . Acesso em: 6 fev. 2009.

DO RESULTADO

A data prevista para o resultado dos trabalhos aceitos será dia 21 de outubro de 2011.

I- O autor do trabalho receberá uma notificação que o trabalho foi aceito através de e-mail indicado na ficha-resumo.
II – No entanto, ressaltamos que o participante também deve estar atento ao site do evento.

DA APRESENTAÇÃO DAS COMUNICAÇÕES INDIVIDUAIS

A apresentação dos trabalhos será organizada por sessões de acordo com os Eixos temáticos organizados pelo Comitê Científico

I – O tempo de exposição para as comunicações é de 15 minutos;

II – Ao término de três apresentações, abriremos 15 minutos de debate sobre os trabalhos apresentados. Os comunicadores deverão aguardar o debate, caso não esteja presente no instante do debate será considerado desistente e não poderá receber certificado de comunicação no evento.

II – Os trabalhos serão apresentados em forma oral.

III – Será disponibilizado aos comunicadores data-show e computador para projeção de slides, caso seja necessário.

1 Comentário (+add yours?)

  1. Raimundo Nonato Lima dos Santos
    out 15, 2011 @ 00:44:15

    Eu sou Professor da Disciplina “História da África” do curso de História da UFPI/Picos. Eu posso participar desse evento apresentando trabalho? Eu não entendi o porquê da exigência de se informar um Professor-Orientador. Quem já é pós-graduado não pode apresentar trabalho nesse evento?! E o trabalho completo, qual é o mínimo e o máximo de páginas? Aguardo resposta e, desde já agradeço a atenção.

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: